Gisela Voltaste Letras

Voltaste, ainda bem que voltaste

As saudades que eu sentia não podes avaliar

Voltaste, e à minha vida vazia

Voltou aquela alegria que só tu lhe podes dar

Voltaste, ainda bem que voltaste

Embora saiba que vou sofrer o que já sofri

Cansei, cansei de chorar sozinha

Antes mentiras contigo do que verdades sem ti

Voltaste, que coisa mais singular

Eu quase não sei cantar se tu não estás a meu lado

Voltaste, já não me queixo nem grito

És o verso mais bonito deste meu fado acabado

Voltaste, ainda bem que voltaste

O passado é passado, para que lembrar agora

Voltaste, quero lá saber da vida

Quando dormes a meu lado, a vida dorme lá fora